Gary Ray: Nossa estratégia de D&D é diferente

28 de outubro de 2019 | 1 minutos para ler

Gary é proprietário da Black Diamond Games, na cidade de Concord (Califórnia, EUA), uma loja WPN Premium. Ele é o autor de Friendly Local Game Store e do blog Quest for Fun, sobre a indústria de jogos.

As lojas que vendem Dungeons & Dragons muitas vezes organizam seus livros nas estantes e os esquecem ali. Eu visitei muitas lojas que fazem essa tática preguiçosa. Elas relutam em gastar tempo com D&D por causa da competição intensa.

Nossa estratégia é diferente. Nós queremos ser “Top of Mind” com nossos clientes, o que significa que, quando eles pensarem em Dungeons & Dragons, eles pensarão na minha loja.

Eu vou falar especificamente sobre D&D neste artigo, mas o conceito de Top of Mind se aplica a qualquer linha de produtos.

Chegar a Top of Mind não é fácil ou barato, mas vale a pena.

Chegar a Top a Mind significa ter a linha de produtos inteira (ou, pelo menos, tê-la mais completa do que qualquer outra loja) e expô-la de forma a fazer da compra uma experiência especial. Isso envolve muitos passos.

O primeiro passo é como guardar o produto. Você deve ter a coleção completa de livros de D&D. Você deve tê-los a qualquer momento, o que significa raramente ficar sem estoque.

Isso pode significar deixar de lado um pouco de desempenho de estoque, mas os clientes devem saber que, quando entram na sua loja, o item que eles procuram estará lá. Portanto, é necessário ter um estoque forte e sólido. Isso também significa ignorar as métricas de desempenho em itens de venda mais lenta.

Segundo, mantenha em estoque qualquer acessório que um cliente possa querer com suas compras de Dungeons & Dragons. Por exemplo, nós sempre tentamos manter em estoque miniaturas pré-pintadas ou por pintar da WizKids, além de tapetes, canetinhas, dados e outros acessórios.

A venda de miniaturas leva à venda de tinta, e os eventos (que discutiremos abaixo) aumentam as vendas de comida e bebida. Se você perguntar a uma loja de jogos bem sucedida quais são seus números de vendas de D&D, esses números serão modestos, mas crescerão muito se contarmos os acessórios.

Terceiro, os eventos de D&D são fundamentais para alcançar o Top of Mind.

Se você joga em uma loja, não é preciso pensar muito para comprar naquela loja. Nossos eventos de D&D são todos “pague para jogar”, com $5 de inscrição que dão direito a $5 de crédito na loja. Alguns clientes compram lanches com seu crédito, enquanto outros economizam por muitas semanas para comprar o próximo livro de D&D.

Eberron: Rising from the Last War será lançado no dia 19 de novembro, tanto com capa padrão como alternativa.

Eventos de D&D são tão populares que tivemos que limitá-los a três noites por semana, ou correr o risco de que eles dominem a loja.

Nós temos eventos suficientes tanto para crianças que estão começando no jogo quanto para veteranos. Alguns jogos são eventos oficiais da Liga dos Aventureiros de D&D, mas a maioria deles é livre para o que o DM quiser fazer, contanto que os eventos estejam abertos a novos jogadores.

Chegar a Top of Mind requer estoques grandes e sólidos, e ignorar as métricas de desempenho em itens básicos. Compre o máximo de acessórios de jogo que você puder.

Sempre que possível, compre dados ou miniaturas, por exemplo. E você precisa estocar produtos relacionados para manter os clientes ocupados entre os lançamentos oficiais. Por fim, ofereça a eles um lugar para jogar com um preço modesto para gerar uma renda adicional.

Todos esses passos, juntos, criam um ciclo virtuoso que faz com que, quando seus clientes pensarem em Dungeons & Dragons, eles pensem na sua loja.

Dúvidas Frequentes

Encontre respostas para as dúvidas mais comuns sobre a Wizards Play Network

Tem alguma pergunta?

Fale conosco!