1 set 2017

Por que a propaganda boca a boca não é suficiente

Anna Celebrian, da Isle of Gamers, explica por que a forma mais poderosa de marketing também é a mais precária.

1 set 2017

Por que a propaganda boca a boca não é suficiente

Anna Celebrian, da Isle of Gamers, explica por que a forma mais poderosa de marketing também é a mais precária.

Por Anna Celebrian, dona da Isle of Gamers e Illusive Comics & Games

Assim como cientistas forenses sabem que "todo contato deixa um rastro", todo engajamento com uma pessoa é uma chance de fazer propaganda do seu negócio. Todas as interações têm um chance de alcançar um público mais amplo com a propaganda boca a boca.

Mas depender apenas dela é ruim para o seu negócio. Sem apoio das outras estratégias, você estará dando um tiro no próprio pé.

Por que a propaganda boca a boca não é o suficiente

Quando você se limita ao boca a boca, você limita o seu público, a autoria da sua mensagem e o valor dos seus contatos.

Basta olhar os números. O número de pessoas que frequentam a sua loja é X. O número de pessoas que comparece a um evento é Y. O número de pessoas que vão discutir esse evento com seus amigos é Z. São números cada vez menores - você quer mesmo que o seu marketing dependa dessa fração?

Se você depende de clientes para compartilhar sua mensagem, você não apenas não consegue controlar o fluxo de saída, mas também não consegue controlar a mensagem. Quem você quer que esteja no controle da conversa? Você ou alguns clientes? E os concorrentes?

E se você assume o rumo da conversa, os contatos tornam-se mais valiosos. Por exemplo, minha equipe pergunta a cada cliente se eles receberam nosso boletim informativo. Assinantes costumam ser mais valiosos do que não assinantes, e apesar da propaganda boca a boca ser poderosa, ela não direciona leitores para o boletim informativo.

Essa é a melhor abordagem: criar contatos e apoiá-los.

Se cada contato deixa uma impressão, online ou na vida real, você precisa gerar ativamente esses contatos e ter recursos posicionados para apoiá-los.

Gerando contatos: redes sociais

Nós damos atenção às redes sociais porque isso corrige as deficiências do boca a boca e conseguimos controlar com facilidade o público, o alcance e a mensagem. Você pode direcionar o alcance da faixa etária, a cidade, o gênero - você consegue controlar de verdade a conversa.

A sincronização é primordial. Experimente e veja o que funciona. Veja as estatísticas do público leitor nas redes sociais e em sites de boletins informativos eletrônicos. Por exemplo, nós descobrimos que enviar um boletim no começo da semana resultava em uma baixa taxa de leitura e pré-cadastros.

Apoiando contatos: o Yelp e seu site

Para apoiar os contatos que você criar, comece com o Yelp (ou algo equivalente). Pelo menos aqui na área da baía de São Francisco, o Yelp faz parte do dia a dia de todos. Se você corta o cabelo, sai para comer algo ou vai ao parque, você sempre confere o Yelp antes. E o Google direciona as pessoas a esses locais. Odeia o Yelp? Não tem problema. Mesmo assim você terá que fazer isso. Por causa do Google.

Em segundo lugar, seu site. Se você tem uma única página sem imagens, se o seu horário de funcionamento não é exibido na  página, se ela está desorganizada ou desatualizada, clientes em potencial vão pensar que isso é um reflexo da sua loja.

Nós usamos o Weebly, mas o Wix e o Squarespace também são ótimos. Para os boletins informativos, o Constant Contact ou o MailChimp cabem em qualquer orçamento e têm modelos personalizados. Eu não sou uma pessoa da área de tecnologia, mas consigo facilmente criar boletins informativos e administrar o meu website.

Se há uma coisa que você deve fazer para começar é isso:

Olhe para a sua presença online como se fosse outra pessoa.

Observe-a do ponto de vista de um(a) cliente novo. Olhe para o seu website e comece a atualizá-lo. Deixe sempre suas páginas no Yelp e Google atualizadas com os horários corretos. Faça publicações todos os dias.

Caso contrário, você está deixando dinheiro fugir pela janela.

Anna Cebrian é dona de uma loja de nível Advanced Plus e de uma loja de quadrinhos indicada ao prêmio Eisner. Antes de fazer parte da indústria, ela tirou um MBA em comércio virtual pela Universidade de Phoenix, além de uma graduação em artes pelo Whittier College.

Artigos relacionados

28 nov 2022

Combine jogadores e eventos para expandir sua comunidade

Eventos

30 nov 2022

Growing Prerelease for EMEA Stores

29 nov 2022

Atualize sua lista de equipe — não perca os comunicados por e-mail da WPN

Wizards EventLink

Usamos cookies necessários para nosso site funcionar e coletar dados de sessão anônimos. Cookies necessários podem ser negados nas configurações de seu navegador. Também usamos cookies opcionais para personalizar conteúdo e anúncios, fornecer funcionalidades de redes sociais e analisar tráfico da web. Ao clicar "OK, eu concordo", você consente aos cookies opcionais. (Saiba mais sobre cookies.)