14 jun 2016

Como a Geração Y está mudando o comércio

E como a sua loja pode se beneficiar disso

14 jun 2016

Como a Geração Y está mudando o comércio

E como a sua loja pode se beneficiar disso

A Geração Y — geralmente definida como pessoas que nasceram entre 1981 e 2000 — é agora oficialmente a maior geração na história dos Estados Unidos, e eles não estão gastando dinheiro do mesmo modo que seus pais.

De acordo com esse estudo da Harris, a Geração Y é bem menos propensa a pensar em comprar uma casa ou um carro como sendo uma marca importante em suas vidas, diferente das gerações anteriores. Em vez disso, eles preferem comprometer renda — estimada em mais de um trilhão de dólares — para acumular lembranças ao invés de posses. Eles estão comprando experiências, e não produtos.

É uma boa notícia para todos no ramo da experiência — incluindo lojas de jogos.

Então, como você tira vantagem disso?

Por que a Geração Y prefere experiências ao invés de produtos

O mesmo estudo diz que o apetite por experiências maior do que por produtos é estimulado amplamente pelo medo de ficar de fora.

O Pré-lançamento de Sombras em Innistrad na IMAGINE! Hobbies & Games teve música ao vivo, dança e bastante comida.

70% dos participantes disseram se preocupar em perder momentos importantes — aquela viagem épica, o show lendário. Essa preocupação os motiva a comparecer e compartilhar a experiência com amigos.

Pense nisso como uma espécie de escassez. Para a Geração Y (uma revelação: eu faço parte dela), o comércio eletrônico é a norma e nenhum produto é realmente raro. Não há mais ingressos pro show? É para isso que servem sites de leilão. Perdeu aquela edição limitada? Posso comprar uma versão digital.

Não é o caso com experiências. Se eu perder o draft da meia-noite de Conspiracy, não dá para comprar outro pela Internet. Posso comprar uma caixa de Modern Masters2015 Edition com alguns cliques, mas não dá para comprar uma vaga no Grand Prix Las Vegas 2015. Experiências são intrinsecamente urgentes.

Então como a sua estratégia de marketing pode expressar essa urgência?

O medo de ficar de fora

O medo de ficar de fora não é estimulado pelos fatores comuns.

Não é a quantidade limitada ou o prazo final se aproximando que estimula o medo de ficar de fora. É a oportunidade de criar lembranças insubstituíveis, de fazer novos amigos, de se sentir parte de uma comunidade. Comece a pensar nessa oportunidade como a mercadoria que você oferece.

Veja o Pré-lançamento da meia-noite de Sombras em Innistrad na IMAGINE! Hobbies & Games.

O proprietário Jay Morgan organizou o evento como uma festa de Halloween completa com música ao vivo, dança e um jantar americano.

Nas horas anteriores ao evento, Jay criou expectativa nas mídias sociais, enfatizando a experiência social — as fantasias, as brincadeiras, as panquecas — em vez do produto.

Depois, uma retrospectiva foi enviada para os assinantes da newsletter — que podia ser uma lembrança de uma noite inesquecível ou uma alfinetada da oportunidade perdida, dependendo se você estava lá ou não. E logo abaixo da montagem de fotos há um convite para a próxima grande festa: a comemoração do décimo aniversário da loja.

Uma maneira poderosa de criar urgência para seus eventos

A campanha foi um sucesso porque destacava a verdadeira proposição de valor do evento — não os boosters, mas a criação da lembrança; não os Míticos, mas a alegria de compartilhar uma experiência única na vida.

Siga o exemplo deles para Lua Arcana!

Matt Neubert

Artigos relacionados

21 jul 2022

Um suporte de promos heroico para Dominária Unida

Dominaria United

31 mai 2022

[VIDEO] Chegou a hora de garantir seu kit de streaming da WPN Premium

WPN Premium

10 ago 2022

Obtenha material de marketing personalizado com R.R. Donnelley

Materiais de marketing

Usamos cookies necessários para nosso site funcionar e coletar dados de sessão anônimos. Cookies necessários podem ser negados nas configurações de seu navegador. Também usamos cookies opcionais para personalizar conteúdo e anúncios, fornecer funcionalidades de redes sociais e analisar tráfico da web. Ao clicar "OK, eu concordo", você consente aos cookies opcionais. (Saiba mais sobre cookies.)